Veja algumas curiosidades de Tite, técnico da seleção brasileira

Veja algumas curiosidades de Tite, técnico da seleção brasileira

Like
1526
0
sexta-feira, 11 novembro 2016
Eliminatórias Sul Americanas

Em poucos meses à frente da seleção brasileira, o técnico Tite caiu nas graças do torcedor. O gaúcho de Caxias do Sul conduziu a equipe canarinho à uma incrível vitória contra a Argentina (3 a 0) na última quarta-feira, no Mineirão, e confirmou os 100% de aproveitamento no banco de reservas. Até o momento, foram cinco jogos nas Eliminatórias da Copa do Mundo 2018, com cinco vitórias, 15 gols marcados e apenas um sofrido.

Tite treinou diversos clubes brasileiros, porém, o seu trabalho mais marcante ocorreu no Corinthians. Em sua segunda e terceira passagem pelo Parque São Jorge, conquistou entre tantos títulos o Mundial de Clubes (2012), a Copa Libertadores (2012) e o Campeonato Brasileiro (2015). Marcou também o seu nome no Grêmio com o título da Copa do Brasil e no Internacional com o troféu da Copa Sul-Americana (2008).

Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Com base em histórias reveladas na biografia “Tite”, escrita pela jornalista Camila Mattoso, lançada em maio, um mês antes do treinador assumir a seleção brasileira, a Rádio Poliesportiva selecionou abaixo algumas curiosidades de um dos profissionais mais vitoriosos da história do futebol mundial. Veja.

Ex-volante de Guarani e Portuguesa, Tite encerrou a carreira com apenas 27 anos de idade após sete cirurgias no joelho.

Católico fervoroso, Tite não esconde a sua fé nem nos vestiários. Antes de conduzir os seus times, ele tem como costume acender velas, colocar a imagem de Nossa Senhora Aparecida e rezar.

Mais uma prova da sua fé, é que em todas viagens nacionais e internacionais ele dá um jeito de passar em alguma igreja para conhece-la ou revê-la. Até mesmo em Yohohama, no Japão, país que tem apenas 500 mil católicos, Tite visitou um modesto santuário às vésperas da final do Mundial de Clubes de 2012 pelo Corinthians.

Antes de iniciar a sua terceira passagem pelo Corinthians, em janeiro de 2015, Tite recusou proposta financeira bem mais vantajosa do Internacional. Em valores brutos: 800 mil reais contra 400 mil reais. Tite foi recomendado a aceitar a oferta colorada, porém, após conversa com o presidente alvinegro Roberto de Andrade foi convencido a iniciar a terceira passagem pelo Timão. Logo em seguida, ligou ao presidente do clube gaúcho, Vitorio Piffero, agradeceu ao convite e confirmou que já tinha dado palavra a Andrade.

Dona Ivone, mãe de Tite, pouco depois de descobrir a gravidez, rolou 16 degraus e atrapalhou a gestação. Tite nasceu com muitas deformações e seu pai o escondeu por alguns dias.

Engana-se quem pensa que Tite tem sangue de barata. Quando treinava o Inter, em 2009, quase saiu no tapa com o meia D’Alessandro. O goleiro Clemer e o zagueiro Índio evitaram o pior.

Rafael Martins Alaby Ferreira

Rafael Martins Alaby Ferreira

96 posts | 0 comments