Real Madrid e Atlético tropeçam e Barcelona dispara na liderança do Espanhol

Real Madrid e Atlético tropeçam e Barcelona dispara na liderança do Espanhol

Like
112
0
quinta-feira, 20 setembro 2018
Futebol Espanhol

 

Por: Felipe Freitas, de Guarulhos, SP

 

Ouça o boletim sobre a rodada do campeonato espanhol, produzido por Felipe Freitas:

 

Apresentação: Felipe Freitas
Edição: Paulo Arnaldo

 

Após uma semana sem rodada da La Liga, por conta da Data FIFA, o Espanhol retomou os seu jogos na última sexta (14), os principais clubes do torneio entraram em campo apenas no sábado (15). O Atlético de Madrid tropeçou diante o Eibar em casa, enquanto o Real Madrid ficou no empate com o Athletic Bilbão por 1 a 1, fora de casa, já o Barcelona bateu a Real Sociedad e disparou na liderança do Campeonato Espanhol.

Os colchoneros foram os primeiros dos grandes a entrar em campo, receberam o Eibar, em casa. A equipe comandada por Diego Simeone não vinha de resultados muito positivos, e tinha a oportunidade contra o Eibar de vencer e tentar se aproximar da parte de cima da tabela e dos líderes Barcelona e Real Madrid, porém, não foi o que aconteceu. O Atlético sofreu em casa, mostrou mais uma vez ter dificuldades em furar a defesa adversária. A partida ia se encerrando em 0 a 0, até que aos 42 minutos da segunda etapa Sergi Enrich abriu o placar para os visitantes. Os donos da casa se mandaram para o ataque, na base do desespero e da bola aérea, e quando todo mundo achou que a derrota era certa, Borja Garcés marcou para o Atleti aos 49 minutos de jogo, após um cruzamento rasteiro de Correa e Borja chutou forte, garantindo o empate.

O Atlético de Madrid chega a 5 pontos, ocupa a 9ª colocação, com 1 vitória, 2 empates e 1 derrota.

O Barcelona entrou em campo logo após o Atléti, os catalães foram visitar a Real Sociedad, no Estádio Anoeta. Invicto na competição, os comandados por Erneso Valverde chegaram com moral, mas os donos da casa não estavam nem ai, queriam acabar com a invencibilidade catalã. A partida começou lenta e muito estudada por ambas equipes, mas logo aos 12 minutos de jogo a Real Sociedad abriu o placar, gol de Aritz. O Barça se mandou para o ataque, mas sem Philippe Coutinho, os visitantes não conseguiam criar jogadas efetivas a ponto de assustar os donos da casa. Na volta para a segunda etapa, o técnico Ernesto Valverde colocou o brasileiro Coutinho em campo, na tentativa de dar mais criatividade para a sua equipe, que sofria até então. A substituição deu certo, Coutinho comandava as ações ofensivas do Barcelona, e o gol de empate saiu após um cruzamento cobrado pelo brasileiro, e o uruguio Luiz Suárez igualou o placar. Três minutos mais tarde, aos 21 da segunda etapa, Dembélé virou o jogo, após uma falha do goleiro Gerónimo Rulli. A partir daí os donos da casa se mandaram pro ataque, tentaram de tudo, mas Ter Stegen salvou os visitantes, o goleiro alemão fez defesas espetaculares e garantiu a vitória para a sua equipe, que segue com 100% de aproveitamento na competição.

O Barcelona chegou a 12 pontos, ocupa a 1ª colocação, com 4 vitórias em 4 jogos.

Os merengues entraram em campo no mesmo dia que Barcelona e Atlético, porém, um pouco mais tarde. Tinham a dura missão de vencer o Athletic Bilbão, fora de casa, após o rival Barcelona bater a Real Sociedad. Não teve jogo fácil para a equipe comandada por Lopetegui, que poupou o volante Casemiro, sendo obrigado a recuar o meia Kross para desempenhar uma função de marcação. Os donos da casa atraiam o Real para o campo de ataque e exploravam as jogadas de contra-ataque em velocidade pela direita, nas costas do lateral Marcelo. Aos 31 minutos da primeira etapa os donos da casa abriram o placar, após um chute “mascado” de Iñaky Williams, Iker Muniain só teve o trabalho de empurrar a bola para o fundo do gol, deixando os mandantes na frente do placar. O tecnico merenegue colocou Casemiro na segunda etapa no lugar de Ceballos, deixando Kross em sua posição de origem para tentar mudar o panorama do jogo. E mudou, o Real Madrid se mostrou muito mais consistente e logo aos 18 minutos da segunda etapa os merengues empataram o placar, após cruzamento de Bale o espanhol Isco de dentro da pequena área marcou de cabeça, deixando tudo igual. A partir de então os donos da casa passaram a segurar a pressão merengue e para o delírio da torcida conseguiram assegurar o empate, garantindo um ponto na tabela de classificação.

O Real Madrid chegou a 10 pontos, ocupa a 2ª colocação, com 3 vitórias e 1 empate.

Na briga pelo rebaixamento Rayo Vallecano, Valladolid e Leganés ocupam as três últimas colocações. Leganés ja soma 3 derrotas e 1 empate e ao lado do Valladolid ainda não venceu na competição.

 

 

Foto em destaque: LaLiga/Site Oficial

 

 

Felipe Freitas

Felipe Freitas

Estudante de jornalismo. Repórter esportivo. 20 anos. Twitter: Reporterfreitas

31 posts | 0 comments

Comments are closed.