Palmeiras e Grêmio avançam, e Cruzeiro é eliminado da Copa Libertadores

Palmeiras e Grêmio avançam, e Cruzeiro é eliminado da Copa Libertadores

Like
39
0
sábado, 06 outubro 2018
Copa Libertadores

Por: Bruno Mattos, de São Paulo, SP 

Pelas Quartas de Final da Copa Libertadores 2018, O Grêmio goleou o Atlético Tucumán e chegou mais uma vez as Semifinais da Libertadores. Já o Palmeiras teve atuação segura e derrotou Colo-Colo por 2 a 0. E Nesta Quinta-feira o Cruzeiro não conseguiu reverter o -placar frente o Boca, empatando e sendo eliminado no Mineirão.

 

Grêmio 4 x 0 Atlético Tucumán

Na etapa inicial o Tricolor Gaúcho não deu chance para os argentinos e começou a mil por hora, se lançando ao ataque e buscando o gol que definiria de vez a classificação a próxima fase. O atual Campeão da América abriu o placar aos 36 minutos de jogo, após boa jogada do meia Thaciano o atacante Luan apenas concluiu para o gol vazio. O Tucumán não se entregava e ainda buscava o ataque, mas parava em sua limitação técnica. Ainda nos acréscimos o Grêmio chegou ao segundo gol, aos 46 minutos com o meia Cícero em cobrança de pênalti.

Na etapa final o jogo e o confronto já estavam decididos, o time argentino jogava por sua honra e tentava evitar uma goleada. Já os donos casa continuavam com sua característica de DNA ofensivo, e mantiveram uma postura ofensiva. Aos 8 minutos o zagueiro argentino Mercier  fez gol contra. E pra fechar a goleada e passagem do Grêmio as Semifinais. o atacante Jael fez aos 47 minutos, novamente em cobrança de pênalti.

O atual Campeão da América avança a próxima fase e busca o seu quarto título da Copa Libertadores da América.
Foto: Conmebol Libertadores/Facebook

 

Palmeiras 2 x 0 Colo-Colo

No primeiro tempo de jogo, o Verdão jogou com inteligência, controlando o jogo, marcando forte em linha alta e administrando a boa vantagem que tinha construído no jogo de ida em Santiago. Já o time chileno que não tinha o atacante artilheiro Paredes, que estava contundindo. O Palmeiras abriu o placar aos 36 minutos de jogo, o atacante Dudu dominou na intermediária, driblou dois marcadores e acertou um lindo chute no ângulo direito alto do goleiro Orion.

Nos 45 minutos finais o Colo-Colo voltou mais aberto e mais agressivo em busca dos gols para ainda poder sonhar com a classificação. Mas a noite era Verde, os donos da casa mostraram muita consciência tática. O gol que selou a classificação do Palmeiras a fase de Semifinal, veio através do atacante colômbiano Miguel Borja de pênalti aos 8 minutos, e o atacante chegou ao seu nono gol na competição Sul-Americana, se tornando assim o artilheiro da Copa Libertadores. O Palmeiras retorna entre os 4 melhores times da Libertadores, após 17 anos, quando foi eliminado pelo próprio Boca Junior, na edição de 2000.

O atacante Dudu comemora o golaço que abriu a vitória que colocou o Alviverde nas Semifinais após 17 anos de ausência.
Foto: Conmebol Libertadores/Facebook

 

 

Cruzeiro 1 x 1 Boca Juniors

O jogo era “Grande” e muito importante, de um lado o Cruzeiro tinha a difícil missão de vencer o Boca por dois gols ou mais para avançar a fase seguinte. Já o tradicional e seis vezes Campeão da América Boca Juniors, tinha uma boa vantagem nas mãos, mas jogou com inteligência no primeiro tempo, marcando forte, trocando passes e jogando muito em velocidade pelos lados do campo. explorando as subidas dos laterais da Raposa. O Cruzeiro sofria com o nervosismo e pouco conseguiu ameaçar a meta do goleiro Rossi. Mas nos acréscimos após bola cruzada na área o zagueiro Dedé subiu junto com o goleiro Rossi, na sobra o atacante argentino Hernán Barcos fez o gol, mas o árbitro da partida o uruguaio Andrés Cunha acabou marcando jogo perigoso do zagueiro brasileiro na disputa de bola com o goleiro do Boca.

A etapa complementar começou agitada, com o time Celeste encima dos argentinos, buscando os gols que te dariam a classificação a Semifinal. Aos minutos outro lance polêmico ocorreu no jogo, o atacante Arrascaeta invadiu a área e sofreu pênalti de Magallán, mas o bandeirinha assinalou impedimento de Barcos no início da jogada. Mas de tanto pressionar o Cruzeiro abriu o placar aos 13 minutos, após cobrança de escanteio do lado esquerdo, o atacante Sassá deu esperanças a apaixonada Azul no Estádio do Mineirão. Os 30 minutos finais do jogo foram extremamente dramáticos, com o Cruzeiro todo no campo de ataque em busca do gol que levaria a decisão para os pênaltis, e os Xeneises se fechando e saindo em contra-ataque para matar o confronto. A Raposa ainda teve o zagueiro Dedé expulso aos 36 minutos, deixando a missão complicada. Aos 49 minutos o time brasileiro estava todo no campo de defesa dos argentinos, que encaixaram o contragolpe e empataram o jogo e o atacante Pavón, colocou o tradicional time argentino nas Semifinais após 2 anos.

O atacante Cristian Pavón comemora o gol que colocou os Xeneises nas Semifinais.
Foto: Conmebol Libertadores/Facebook

 

Semifinais

Palmeiras x Boca Juniors

Grêmio x River Plate

 

Foto em Destaque: Conmebol Libertadores/Facebook

Bruno Mattos

Bruno Mattos

62 posts | 0 comments

Comments are closed.