Mineirinho vence em Saquarema e vai em busca de bicampeonato

Mineirinho vence em Saquarema e vai em busca de bicampeonato

Like
455
1
quarta-feira, 24 maio 2017
Outros Esportes

Na última quarta-feira, o universo profissional do Surfe assistiu Adriano de Souza, o Mineirinho, vencer a 4ª etapa do circuito mundial realizado no Rio, em Saquarema, após derrotar o australiano Adrian Buchan por 17,63 a 17,23 na final.

Para chegar à decisão, Mineirinho precisou eliminar, além de outros competidores de alto nível, o companheiro brasileiro Yago Dora, de apenas 20 anos, que já havia eliminado três grandes favoritos.

A vitória na etapa fez com que o brasileiro pulasse da quarta para a segunda colocação no ranking da temporada, com 24.400 pontos. A liderança ainda pertence ao havaiano John John Florence, que possui 24.750 pontos.

Mineirinho teve dificuldades na final mas acabou levando a melhor em cima do australiano Buchan. Foto por: Divulgação/WSL

Mineirinho não vencia desde de dezembro de 2015, quando se tornou o segundo brasileiro campeão mundial de surfe:

“Não sentia o gosto do pódio há mais de 1 ano. Eu batalhei muito, vocês sabem. Eu trabalhei bastante, não conseguia, mas não desisti. Acreditei firme até nos momentos mais difíceis”, comemorou o atleta.

Adriano pode ainda superar outra marca. O veterano de 30 anos da Brazilian Storm”, que viu Gabriel Medina se tornar o primeiro brasileiro campeão mundial em 2014, pretende agora, em 2017, ser o primeiro bicampeão brasileiro do circuito. Com toda certeza, um grande passo já foi dado para isso nesta etapa, em Saquarema.

A etapa

A sensação da vez foi Yago Dora que, após a fase de triagem em que participam apenas surfistas do país da etapa e que não fazem parte do circuito, chegou à semifinal da competição ao vencer nada menos que três campeões mundiais. O líder atual do circuito John John Florence,o compatriota Gabriel Medina e o australiano Mick Fanning saíram derrotados pelo garoto de 20 anos.

Na semi-final, porém, Mineirinho, que esteve bem durante toda a prova, chegou a arrancar um 10 de um dos juízes, além de um 9,74, sendo demais para o jovem Dora, que viu se viu longe da vaga na decisão. O calouro ainda tentou esboçar uma reação, mas sem sucesso.

Na decisão, Adriano bateu o australiano Buchan por 17,63 a 17,23, contando com o apoio da torcida e fazendo valer ser o “dono da casa”.

Próxima etapa

A próxima etapa do circuito acontece na Oceania, em Fiji, entre os dias 4 e 26 de junho.

Veja também

Dupla Aquaman comemora dobradinha no Circuito Mares em Ubatuba
As 500 milhas de Indianapolis
O Grande Prêmio de Mônaco

 

Foto de capa: Divulgação/WSL

 

Redator da matéria: Rafael Lardieri, de Santo André

Rafael Lardieri

Rafael Lardieri

58 posts | 0 comments