Jéssica Bate-Estaca vence no UFC on Fox 28 e pede chance por cinturão

Jéssica Bate-Estaca vence no UFC on Fox 28 e pede chance por cinturão

Like
273
0
sexta-feira, 02 março 2018
MMA/UFC

No último fim de semana aconteceu o UFC on Fox: Emmett vs. Stephens (também conhecido como UFC on Fox 28), mais precisamente no sábado (24/2), no Amway Center, em Orlando, no estado americano da Flórida. Na luta principal, duelo de americanos: Josh Emmett e Jeremy Stephens. Dois estilos parecidos, nocauteadores, com mãos pesadas. Stephens é bem mais experiente que Emmett, tendo 41 lutas no cartel e 17 vitórias por nocaute, contra 14 lutas do rival, que tem quatro nocautes na carreira.

LUTA PRINCIPAL

Na luta a experiência falou mais alto. O 1º round foi de Emmett, que conseguiu um knockdown, mas não concluiu com mais golpes. No 2º round, Stephens deu o troco bem dado: além de derrubar o adversário, completou com uma sequência de socos que apagou Josh. Vitória por nocaute aos 1m35. Foi a segunda derrota de Emmett na carreira e a 27ª de Jeremy, que ainda levou o bônus de US$ 50 mil pela “Performance da Noite”.

Foto: Reprodução

CO-MAIN EVENT

Na segunda luta mais importante da noite, a mais importante para os brasileiros, Jéssica “Bate-Estaca” Andrade enfrentou a americana Tecia Torres e venceu por decisão unânime. A brasileira começou a luta tentando pressionar a rival que, mesmo caminhando para trás, conseguia acertar alguns golpes. Jéssica então viu que o jogo era partir para a luta agarrada e tentar jogar para o chão, o que fez nos dois round seguintes. Usou seu jogo de “grappling” e colocou Tecia na grade, levando a luta para o chão quando teve oportunidade e castigou no “ground and pound”. No final, Bate-Estaca venceu por decisão unânime (29-27/29-28/29-28).

Com a vitória, Jéssica Andrade se credencia como principal adversária pelo cinturão dos palhas contra a vencedora de Rose Namajunas (atual campeão) e Joanna Jędrzejczyk (ex-campeã que perdeu o cinturão na última luta justamente para Namajunas). A brazuca é a número 2 do ranking dos palhas do UFC, atrás apenas das duas citadas anteriormente. Jéssica perdeu em 13 de maio de 2017 para Joanna. Caso a polonesa vença, deve ocorrer a revanche. Fato é que o Brasil está muito perto de mais um cinturão feminino no UFC. Atualmente Cris Cyborg e Amanda Nunes são as únicas brasileiras com cinturão na organização.

Foto: Reprodução

OUTROS BRASILEIROS

Pelos galos, Brian Kelleher venceu Renan Barão por decisão unânime (30-27/30-27/29-28) e, também pelos galos, Rani Yahya finalizou Russel Doane aos 2m32 do 3º round.

PRÓXIMO EVENTO COM BRASILEIROS

UFC 222: Cyborg vs. Kunitskaya. A atual campeã dos penas Cris Cyborg colocará seu cinturão em jogo contra a russa Yana Kunitskaya, neste sábado (3), na T-Mobile Arena, em Paradise, Nevada, parte da Área Metropolitana de Las Vegas. No mesmo evento ainda lutam três brasileiros contra três americanos. Nos galos feminino, a americana Cat Zingano enfrenta Ketlen Vieira, pelos palhas feminino, Ashley Yoder enfrenta a Mackenzie Dern e pelos galos, John Dodson pega Pedro Munhoz.

Foto: Divulgação

Foto em destaque: Reprodução

Redator: Eric Filardi, de São Paulo

Eric Filardi

Eric Filardi

56 posts | 0 comments

Comments are closed.