Fórmula Indy: Pela terceira vez, Will Power vence o GP de Indianápolis

Fórmula Indy: Pela terceira vez, Will Power vence o GP de Indianápolis

Like
118
0
domingo, 13 maio 2018
Formula Indy

Por: Paulo Arnaldo, de São Paulo

 

Foi de tirar o chapéu a apresentação Will Power. Afinal, o piloto australiano da equipe Penske dominou os treinos e liderou boa parte da corrida. É bem verdade que ele sempre foi acompanhado de perto por Robert Wickens e no final da corrida, sofreu a ameaça de Scott Dixon. A prova no circuito misto de Indianápolis contou com a primeira participação nesta temporada do piloto brasileiro Helio Castroneves, que só competirá mais uma vez nesse ano na tradicional prova das 500 Milhas.

Will Power largou da pole position e manteve a primeira colocação com Sébastien Bourdais na segunda posição e Robert Wickens na terceira posição. Logo na primeira curva, após a largada, Jordan King escapou para fora da pista e Sato tocou em Helinho que consequentemente acabou tocando no carro de Simon Pagenaud. Logo depois, Spencer Pigot decolou ao passar numa zebra alta e acabou acertando Takuma Sato.

Foto: Joe Skibinski / Indycar

Helio Castroneves, apesar do toque que sofrera, conseguiu iniciar a prova na sétima colocação, acompanhado de perto pelo outro brasileiro, Tony Kanaan da Foyt. O outro brasileiro também da Foyt, Matheus Leist completou a primeira volta na 15ª posição.

Até a primeira parada nos boxes, Power conseguiu se manter na liderança. Na volta seguinte da parada nos boxes de Will Power, Robert Wickens se aproximou e ultrapassou o até então líder da prova. Após assumir a liderança, Wickens conseguiu abrir diferença e Will Power teve que se defender das aproximações de Sébastien Bourdais.

 

Foto: Matt Fraver / Indycar

A situação se reverteu, favorável ao australiano, após a segunda parada nos boxes, quando Power voltou a se aproximar de Wickens. E de lá de trás surgia Scott Dixon com mais uma corrida de tirar leite de pedra. Nessas alturas da prova, o piloto neozelandês da Chip Ganassi ultrapassava Alexander Rossi e alcançava a quinta colocação. Dixon havia largado da 18ª posição.

Com pneus macios, Power rendia melhor que Wickens. Na 51ª volta da corrida, o piloto australiano pegou o vácuo e ultrapassou o canadense no final da reta principal e entrada da curva 1. Wickens tentou devolver na curva 2, mas Power enfim, voltava a ficar na liderança da prova. Logo depois, Josef Newgarden perdeu o controle do carro na tentativa de ultrapassar Bourdais e provocou uma nova bandeira amarela.

Com a amarela na pista, todos os pilotos realizaram a última parada nos boxes. A briga pela liderança se acirrou mais uma vez, na saída dos boxes dos dois pilotos, Power e Wickens. Mas Power manteve a liderança. Dixon deu mais um salto e alcançou a terceira posição, após belo trabalho da equipe Chip Ganassi. Na bandeira verde, Rossi roubou a quarta posição de Bourdais. E Dixon ultrapassou Wickens assumindo a segunda posição.

Foto: Shawn Gritzmacher / Indycar

Um pouco mais adiante, a briga pelo terceiro lugar esquentou. Um verdadeiro “pega” entre Robert Wickens e Alexander Rossi. O canadense resistiu bem aos ataques do americano Rossi. Com o desgaste nos pneus e uma ameaça de chuva perto do final da prova, Wickens conseguiu conservar a terceira posição. Por outro lado, metros antes da chegada, Rossi perdeu a quarta colocação para Sébastian Bourdais. A verdade é que o piloto da Andretti ficou sem combustível e tomou esse prejuízo.

 

Foto: Indycar / Twitter

 

Por fim, vitória de Will Power com Scott Dixon na segunda posição e completando o pódio, Robert Wickens na terceira posição. Apesar do primeiro contato com o DW12 com o novo kit aerodinâmico implementado nesta temporada, Helio Castroneves fez uma prova consistente. Ao longo da prova, o brasileiro da Penske flutuou entre a 6ª e 10ª posições. No final, Helio terminou a prova numa ótima sexta colocação. Já os outros brasileiros, Tony Kanaan concluiu na 14ª posição e Matheus Leist na 21ª, ambos da equipe Foyt.

As atividades nos próximos quinze dias em Indianápolis serão no circuito oval.  A próxima etapa da Indy, a tradicional prova das 500 milhas de Indianápolis será no domingo dia 27 de maio.

 

Foto: Joe Skibinski / Indycar

 

Classificação final da prova:

Fonte: Indycar.com

 

Classificação do Campeonato:

Fonte: Indycar.com

 

Foto em destaque: Jimi Haines / Indycar

Paulo Arnaldo do Amaral Lima

Paulo Arnaldo do Amaral Lima

320 posts | 2 comments

Comments are closed.