Cinco times brasileiros avançam às oitavas de final da Libertadores

Cinco times brasileiros avançam às oitavas de final da Libertadores

Like
131
0
sexta-feira, 25 maio 2018
Copa Libertadores

Por: Bruno Mattos, de São Paulo

 

Essa foi a última semana da fase de grupos da Libertadores da América. Confira abaixo, como foram os brasileiros nessa semana.

 

Universidad de Chile 0 x 2 Vasco

Com os dois times já eliminados da competição, o jogo foi fraco tecnicamente na etapa inicial e de poucas chances criadas dos dois lados. Mas foi o Vasco que saiu na frente em Santiago com o volante Bruno Silva.

Na etapa complementar, o time da cruz de malta chegou ao segundo gol aos 36 minutos com o veloz Yago Pikachu, após chutão do goleiro uruguaio Martín Silva. O time chileno não tinha forças para buscar a reação e foi extremamente dominado pelos visitantes. O Vasco consegue com muita garra a classificação para a Copa Sul-Americana, enquanto a tradicional La.U termina na lanterna do Grupo 5.

 

Vasco se supera, vence fora de casa e se garante na Copa Sul-Americana.
Foto: Conmebol Libertadores/Facebook

 

 

Cruzeiro 2 x 1 Racing – ARG

O primeiro tempo foi extremamente intenso no Mineirão. Os donos da casa imprimiram um ritmo muito forte e estiveram muito ligados no jogo. O meia Thiago Neves abriu o placar para a raposa, o volante  Lucas Silva fez o segundo. Já os argentinos foram extremamente envolvidos pelo time brasileiro nos primeiros minutos, porém acabou se aproveitando da sonolência do Cruzeiro após o segundo gol. E La Acade diminuiu o placar com o atacante Centurión, colocando os argentinos no jogo e deixando o confronto em aberto.

Na etapa final, o jogo ficou franco e aberto, com os dois times buscando o ataque e mostrando a superioridade de ambas as equipes no grupo. O Racing adotou uma postura ofensiva em busca do empate, adiantando o seu meio campo e dificultava assim o forte jogo de meio campo dos donos da casa. Fim de um grande jogo no Mineirão, vitória que garante a primeira colocação do grupo 5 ao Cruzeiro.

 

O volante Lucas Silva comemora o gol que ajudou o Cruzeiro a vencer o Racing no Mineirão. Foto: Conmebol Libertadores/Facebook

 

 

Grêmio 1 x 0 Defensor – URU

Foi uma primeira etapa que mostrou um Grêmio jogando em sua característica e DNA ofensivo, com o seu meio campo em linha alta, empurrando assim os uruguaios para o seu campo de defesa. Mas faltou tranquilidade para o Tricolor gaúcho na hora da conclusão final. Já o Defensor tinha clara a sua proposta de jogo, marcar forte por zona, jogar no erro dos donos da casa e sair em velocidade quando tinha a posse de bola.

Na etapa final, o Grêmio voltou melhor, mais ligado no jogo e foi pra cima dos uruguaios, mas ainda faltava inspiração e capricho na finalização final. Já os visitantes se defendiam e tentavam encaixar o contra-ataque. Mas aos 20 minutos em uma jogada individual o craque do time, Luan fez o único gol do jogo que deu a vitória e a classificação na primeira colocação para o atual campeão da Libertadores.

 

O atacante Luan garantiu a primeira colocação do Grupo ao Grêmio.Foto: Conmebol Libertadores/Facebook

 

 

River Plate 0 x 0 Flamengo 

Os argentinos sabiam da importância do jogo e da vitória para garantir a primeira posição do Grupo. E por isso os milionários foram pra cima do time rubronegro que teve dificuldades nos primeiros 15 minutos para sair da pressão dos donos da casa e conseguir incomodar o sistema defensivo do River.

Nos 45 minutos finais. o jogo acabou sendo uma cópia da etapa inicial. Jogo disputado e truncado no meio campo. O River por jogar em casa até tinha mais a iniciativa do ataque. Enquanto o time carioca tinha muitas dificuldades no setor de criação. E o jogo terminou como começou,  com ambas as equipes classificadas. O River passou em primeiro e o Flamengo em segundo.

 

Em jogo extremamente disputado, River Plate e Flamengo não sairam do zero no Monumental de Nuñes.
Foto: Conmebol Libertadores/Facebook

 

 

Santos 0 x 0 Real Garcilaso – PER

O primeiro tempo foi marcado por um time do Santos que buscava o ataque a todo momento e tentava sufocar os visitantes, mas faltou inspiração ao setor ofensivo do Santos que teve muita dificuldade para furar a forte marcação imposta pelo Garcilaso. Já os peruanos apenas se defendiam e buscava encaixar um contra-ataque, mas sem sucesso.

O segundo tempo foi uma cópia do primeiro. O Santos sofria com a falta de organização e principalmente de inspiração para criar as oportunidades. O jogo era de ataque contra defesa. Os comandados do técnico Jair Ventura mostraram muitas deficiências e extremas dificuldades na criação das jogadas. Mesmo com o empate em seus domínios, o Peixe garante a primeira colocação do grupo 6.

 

Com atuação ruim, Santos apenas empata em casa contra o Garcilaso. Foto: Conmebol Libertadores/Facebook

 

 

Corinthians 0 x 1 Millonários – COL

O Corinthians teve dificuldades para conseguir infiltrar e criar as oportunidades de gol no forte sistema defensivo montado pelos visitantes. Na estreia do técnico Osmar Loss, o timão não conseguiu imprimir o seu forte ritmo de jogo. Já o time colombiano precisava da vitória para sonhar com a classificação e adotou assim uma postura ofensiva e foi pra cima dos donos da casa.

Na etapa final, o time Alvinegro voltou melhor no jogo, mais organizado e criando mais chances de gol. Já o Millonários marcava forte e buscava jogar no erro do time corintiano para chegar a meta do goleiro Walter. O Corinthians teve duas grandes chances de abrir o placar, com o atacante Romero e com o meia Jadson, mas ambas pararam no bom goleiro colombiano Fariñez. Mas foram os colombianos que saíram na frente com o meia Carillo, calando a Arena em Itaquera. Após sofrer o gol o time corintiano, foi pra cima em busca do empate. Já o Millonários apenas se defendia e fazia o tempo passar. Mesmo com a vitória, o time de Bogotá está fora das oitavas de final, mas se garantiu na Copa Sul-Americana. Já o Corinthians mesmo com a derrota garantiu a primeira posição do grupo.

 

 

 

Foto em destaque: Conmebol Libertadores/Facebook

Bruno Mattos

Bruno Mattos

64 posts | 0 comments

Comments are closed.